terça-feira, 10 de março de 2009

Projeto: Reforma ortográfica

Mudanças nas regras de acentuação


1. Não se usa mais o acento dos ditongos abertos éi e ói das palavras paroxítonas (palavras que têm acento tônico na penúltima sílaba).

Como era Como fica
alcalóide alcaloide
alcatéia alcateia
andróide androide
apóia (verbo apoiar) apoia
apóio (verbo apoiar) apoio


Atenção:

Essa regra é válida somente para palavras paroxítonas. Assim, continuam a ser acentuadas as palavras oxítonas terminadas em éis, éu, éus, ói, óis. Exemplos: papéis, herói, heróis, troféu, troféus.

2. Nas palavras paroxítonas, não se usa mais o acento no i e no u tônicos quando vierem depois de um ditongo.
Como era Como fica

baiúca baiuca
bocaiúva bocaiuva
cauíla cauila
feiúra feiura

Atenção: se a palavra for oxítona e o i ou o u estiverem em posição final (ou seguidos de s), o acento permanece.
Exemplos: tuiuiú, tuiuiús, Piauí.

3. Não se usa mais o acento das palavras
terminadas em êem e ôo(s).
Como era Como fica
abençôo abençoo
crêem (verbo crer) creem
dêem (verbo dar) deem
dôo (verbo doar) doo
enjôo enjoo
lêem (verbo ler) leem
magôo (verbo magoar) magoo



4. Não se usa mais o acento que diferenciavaos pares pára/para, péla(s)/ pela(s), pêlo(s)/pelo(s), pólo(s)/polo(s) e pêra/pera.
Como era Como fi ca
Ele pára o carro. Ele para o carro.
Ele foi ao pólo Norte. Ele foi ao polo Norte.
Ele gosta de jogar pólo. Ele gosta de jogar polo.
Comi uma pêra. Comi uma pera.
Atenção:
Permanece o acento diferencial em pôde/pode.
Pôde é a forma do passado do verbo poder
(pretérito perfeito do indicativo), na 3a
pessoa do singular.
Pode é a forma do presente do indicativo, na 3a
pessoa do singular.
Professora: Luzia Marina Keller Morlóc
Turmas: 1º A e B 2º F

Um comentário:

W.Mundim disse...

Professora Luzia,
Parabéns pelo blog. Ficou maravilhoso!!!!! Um estouro!!!!!
Beijos!!!!!
Dinamizadora Valdelândia e Professora Degmar - Col. Est. Waldemar Mundim